segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Ávida vida.

É porque a vida é curta e a volta é incerta.
É porque o futuro é certo e não se demora.
É porque a vida é ávida e nos devora.
É devido a tudo isso e em devida hora,
que já vou indo.
O agora já vem vindo,
e não espera,
e vai embora.
Vou cuidar da minha vinda.
Vou rindo,
metendo a estrela da espora.
Tudo lindo.
Entrando estrada
esfera a fora.



LUNAR


Nenhum comentário:

Postar um comentário