sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

A culpa

Quando a dúvida corrói e a mágoa crava fundo as garras na carne imperfeita.
Na hora que a culpa se expõe e nos revela o gosto amargo da insegurança.
Na hora que o medo é maior até mesmo que a própria perda.

Nessa hora o sangue gela.
a vida fica atônita,
e as horas apavoram até mesmo os muros mais sujos da alma.

Lunar

Nenhum comentário:

Postar um comentário